Busca - Saúde Amanhã - Page 2

Em entrevista, a professora da Universidade Federal do ABC, Vera Coelho, analisa os processos de controle social no SUS e discute suas implicações para o desenvolvimento territorial. Vera destaca que a participação social alcança melhores resultados quando integra sociedade civil, gestores e instituições.“Novos equipamentos de saúde chegam mais rapidamente às regiões onde há aliança entre os conselhos e os gestores de saúde locais”, exemplifica.

“O futuro do setor Saúde depende de como a democracia e a federação brasileiras serão consolidadas”, afirma Patricia Tavares Ribeiro, coordenadora do Centro de Estudos, Políticas e Informação sobre Determinantes Sociais da Saúde, da Escola Nacional de Saúde Pública Sergio Arouca (Ensp/Fiocruz). Em entrevista, ela analisa o que precisa avançar, hoje, para que a equidade e a universalidade do Sistema Único de Saúde (SUS) se mantenham como princípios na agenda das políticas de saúde no futuro.

“A crise é resultante das persistentes iniquidades sociais e a forma mais contundente de enfrentá-la é reduzir a desigualdade”. A afirmação é do economista Francisco Menezes, coordenador do Instituto Brasileiro de Análises Sociais e Econômicas (Ibase) e consultor do Programa Mundial de Alimentos da Organização das Nações Unidas (ONU) e de Actionaid Brasil. Nesta entrevista, Menezes defende a continuidade e o aprimoramento dos programas sociais desenvolvidos na última década e alerta para os impactos negativos da redução do gasto público na área social.

Página 2 de 2
TOP