O fosso do saneamento no Brasil

segunda-feira, 07, agosto , 2017 por

Foi lançado recentemente o primeiro relatório sobre o monitoramento das metas relativas a água e esgotos dos Objetivos de Desenvolvimento Sustentável (ODS) da ONU. Estas metas adotam um conceito de acesso aos serviços mais exigente que o adotado no período dos Objetivos de Desenvolvimento do Milênio ODM/ ONU. Por essa razão, o quadro global exibido, para praticamente todos os países, é muito mais pessimista que aquele apontado em 2015, ano final dos ODM. A mensagem é que nos próximos 15 anos (agora já seriam 13) os países necessitarão se esforçar muito para o cumprimento das metas.

Editorias

Censo 2020

segunda-feira, 07, agosto , 2017 por

De olho na divulgação do Censo Demográfico 2020, o IBGE está propondo uma nova tipologia para a caracterização dos espaços urbanos e rurais. Por essa metodologia, a população urbana do Brasil passa de 84,4% para 76%. Densidade demográfica, localização em relação aos principais centros urbanos e tamanho da população são os critérios fundamentais da metodologia, que ainda está em debate. Assim, a partir do cruzamento dessas variáveis, os municípios se classificariam em cinco tipos: urbano, intermediário adjacente, intermediário remoto, rural adjacente e rural remoto.






Solidariedade para o desenvolvimento sustentável

segunda-feira, 07, agosto , 2017 por

A sabedoria, a experiência, a energia e os ideais dos anciãos e dos jovens são vitais para a realização dos 17 Objetivos de Desenvolvimento Sustentável (ODSs), disse na terça-feira (1) o secretário-geral da ONU, António Guterres, afirmando que juntos eles podem ajudar a quebrar os ciclos de pobreza que têm durado gerações.






Teto de gastos trará retrocesso à Saúde

segunda-feira, 31, julho , 2017 por

Os impactos negativos da Emenda Constitucional 95, mais conhecida como Emenda do Teto de Gastos, foram amplamente discutidos em diversas mesas da 69a Reunião Anual da SBPC. No último dia do evento, no entanto, uma conferência se destacou por apontar os dados em um dos setores mais importantes para o desenvolvimento dos países: a saúde. Junto com educação, a saúde teve um tratamento diferenciado na emenda feita à Constituição Federal. O governo federal divulga que esses setores foram “poupados”, mas o efeito real em relação às políticas públicas que vigiam antes da nova regras é de perda de recursos, como apontou a pesquisadora Fabíola Sulpino Vieira, doutora em Saúde Coletiva e ex-pesquisadora do Instituto de Pesquisa Econômica Aplicada (IPEA), na apresentação dessa sexta-feira, 21.






A Representação da Organização Pan-Americana da Saúde/Organização Mundial da Saúde (OPAS/OMS) no Brasil fez uma parceria com a Universidade de Harvard, dos Estados Unidos, para desenvolver estudos sobre os 30 anos do Sistema Único de Saúde (SUS), a serem completados em 2018. Nesta terça-feira (25), em Brasília, o organismo internacional promoveu um seminário, com dois pesquisadores da universidade estadunidense e várias instituições brasileiras, para debater sobre as conquistas, desafios e ameaças ao SUS.






Saúde, Ambiente e Sustentabilidade

segunda-feira, 31, julho , 2017 por

O Programa Institucional de Saúde e Ambiente, da Vice-Presidência de Ambiente, Atenção e Promoção da Saúde (VPAAPS/Fiocruz), promoverá o VI Seminário Nacional de Saúde, Ambiente e Sustentabilidade entre os dias 31 de julho e 3 de agosto. O seminário tem por objetivo avaliar os progressos alcançados pela instituição, identificar lacunas e definir estratégias para o enfrentamentos dos desafios futuros. “A relações entre saúde, ambiente e desenvolvimento acompanham a trajetória da Fiocruz desde sua origem. No contexto da Rio-92, esse campo incorporou o conceito de sustentabilidade resultando no fortalecimento da produção técnico científica da instituição”, explica Guilherme Franco Netto, assessor em Ambiente da VPAAPS, no texto de apresentação do evento. Em sua abertura, a atividade contará com a participação da presidente da Fiocruz, Nísia Trindade, do vice-presidente de Ambiente, Atenção e Promoção da Saúde, Marco Menezes, e do diretor da ENSP, Hermano Castro. O seminário será dividido em dois blocos, que compreenderão mesas-redondas, exposições, debates e oficinas de trabalho. Os interessados em participar do seminário devem se inscrever on-line.






Editorias

Busca por alvos moleculares

segunda-feira, 31, julho , 2017 por

Em um prédio histórico do Instituto Butantan, localizado entre o Museu de Microbiologia e a Biblioteca Central, foi inaugurada nesta sexta-feira (21/07) a sede do Centro de Excelência para Descoberta de Alvos Moleculares (Centre of Excellence in New Target Discovery – CENTD). Apoiado pela FAPESP e pela farmacêutica GlaxoSmithKline (GSK), o CENTD tem como objetivo identificar novos alvos terapêuticos para doenças de base inflamatória, como osteoartrite, artrite reumatoide, câncer e doenças neurodegenerativas. O Centro foi concebido no modelo parceria público-privada (PPP) e aprovado no final de 2015, no âmbito do Programa FAPESP de Apoio à Pesquisa em Parceria para Inovação Tecnológica (PITE). As atividades do grupo coordenado pela pesquisadora Ana Marisa Chudzinski-Tavassi tiveram início em fevereiro de 2016.






Editorias

Saúde, Trabalho e Ambiente em debate

quarta-feira, 26, julho , 2017 por

Mudança climática, crise hídrica, doenças re-emergentes, trabalho agrícola, violência ocupacional, insalubridade: não são poucos os desafios que o atual sistema produtivo coloca para o campo da Saúde. Eles estão em pauta no número temático da revista Saúde em Debate – Saúde, Trabalho e Ambiente, lançado pelo Centro Brasileiro de Estudos de Saúde (Cebes) na última segunda-feira, 24 de julho, na Escola Nacional de Saúde Pública Sergio Arouca (Ensp/Fiocruz). Durante o evento, que contou com transmissão on-line pelo Centro de Estudos Estratégicos (CEE-Fiocruz), o debate foi norteado pelas perguntas propostas pelo editorial da publicação: Qual a possibilidade de um pacto social que tire o Brasil da crise? Como construir caminhos alternativos para o país, com justiça social?






Tecnologia a favor dos objetivos globais

segunda-feira, 24, julho , 2017 por

ONU: Tecnologias da Informação e da Comunicação podem ajudar países a alcançar os 17 ODS.






Agenda 2030: custos e benefícios

segunda-feira, 24, julho , 2017 por

OMS estima custos e benefícios para alcançar metas globais de saúde até 2030.






Página 2 de 62
TOP