Os avanços e os desafios no combate às doenças negligenciadas estiveram em debate na Fundação Oswaldo Cruz (Fiocruz), no dia 31 de julho, durante o seminário “Doenças Negligenciadas e a Agenda 2030”, promovido pela iniciativa Brasil Saúde Amanhã e pelo Centro de Desenvolvimento Tecnológico em Saúde (CDTS) no contexto da Estratégia Fiocruz para a Agenda 2030. Especialistas abordaram o tema sob a ótica do desenvolvimento sustentável e sua perspectiva global. O evento foi realizado das 9h30 às 13h, no Auditório do Centro de Documentação e História da Saúde (CDHS), e teve transmissão ao vivo pelo canal da Vídeo Saúde no YouTube.

Mudanças climática e estresse no trabalho

quarta-feira, 03, julho , 2019 por

Estudo da OIT afirma que aquecimento global causará perdas de produtividade equivalentes a 80 milhões de empregos em tempo integral no ano de 2030. Disponível em inglês.

Leia na íntegra.

Editorias

  A Fiocruz sediou, em 13 de junho, o seminário Vacinas e Vacinação no Brasil: Horizontes para os Próximos 20 anos, promovido pela iniciativa Brasil Saúde Amanhã no contexto da Estratégia Fiocruz para a Agenda 2030. O evento trouxe contribuições para o cumprimento da Agenda 2030 para o Desenvolvimento Sustentável da ONU, no tocante a

Importância das vacinas e recusa vacinal

segunda-feira, 24, junho , 2019 por

Estudo transversal identifica a percepção da importância das vacinas e o conhecimento sobre o calendário vacinal entre médicos e estudantes de Medicina.

Leia na íntegra.

Vacinação hoje e na próxima década

terça-feira, 11, junho , 2019 por

Disponível em Inglês, publicação discute o futuro da imunização após 2020, o último ano da Década das Vacinas.
Leia na íntegra.

Relatório “30 anos de SUS. Que SUS para 2030?”, da Opas, aborda novos e velhos desafios para o Programa Nacional de Imunizações.
Leia na íntegra.

Disponível na Revista de Saúde Pública, artigo de Ana Paula Sayuri Sato aborda a importância da hesitação vacinal na queda das coberturas vacinais no Brasil.
Leia na íntegra.

O desempenho do Brasil rumo ao cumprimento da Agenda 2030 para o Desenvolvimento Sustentável, no que diz respeito à saúde, estará em debate na Fundação Oswaldo Cruz (Fiocruz), dia 13 de junho, durante o seminário “Vacinas e Vacinação no Brasil: Horizontes para os próximos 20 anos”, promovido pela iniciativa Brasil Saúde Amanhã no contexto da Estratégia Fiocruz para a Agenda 2030. Em dois painéis, renomados especialistas abordarão o tema pela ótica do desenvolvimento sustentável e em sua perspectiva global. O evento será realizado das 9h30 às 16h45 no Salão Internacional da Escola Nacional de Saúde Pública Sergio Arouca (Ensp/Fiocruz), com transmissão ao vivo pelo canal da VideoSaúde Distribuidora da Fiocruz no YouTube.

O número de países que dependem da exportação de matérias-primas atingiu seu nível mais alto em 20 anos, segundo novo relatório da Conferência das Nações Unidas sobre Comércio e Desenvolvimento (UNCTAD) publicado nesta quarta-feira (15).

Novas orientações da Organização Mundial da Saúde (OMS) publicadas nesta terça-feira (14) revelam que as pessoas podem reduzir o risco de desenvolver demência ao praticar exercícios regularmente, não consumir tabaco, evitar o uso nocivo de álcool, controlar seu peso, ter uma dieta saudável e manter níveis saudáveis de pressão arterial, colesterol e açúcar no sangue.

Página 3 de 86
TOP