Nós e as desigualdades

segunda-feira, 15, abril , 2019 por

Pesquisa de opinião da Oxfam Brasil e Instituto Data Folha revela percepção da população brasileira sobre desigualdades sociais: 8 em cada 10 brasileiros acreditam que não é possível progresso sem redução de desigualdades.

Leia na íntegra.

Esta publicação reúne a síntese de quatro Diálogos Nacionais Tripartites, realizados no Brasil em 2016 e 2017, no marco da iniciativa sobre o Futuro do Trabalho, preparatório à comemoração do centenário da Organização Internacional do Trabalho (OIT) em 2019. O objetivo é compartilhar as contribuições de representantes tripartites no Brasil e de especialistas e estudiosos sobre o tema do futuro do trabalho, no intuito de estimular essa discussão no Brasil e apontar suas perspectivas para a Comissão Mundial sobre o Futuro do Trabalho da OIT.

Leia na íntegra.






A poluição do ar não é um problema novo. Estamos preocupados com nevoeiros contaminados com fumaças há séculos, das conhecidas “smogs” de Londres no século 19 aos nevoeiros que frequentemente encobrem cidades como Pequim e Délhi nos dias atuais. A novidade, no entanto, é a noção do quão exatamente isso é ruim para nossa saúde.






Editorias

Que SUS para 2030?

segunda-feira, 15, abril , 2019 por

Em evento para celebrar o Dia Mundial da Saúde, lembrado em 7 de abril, a Organização Pan-Americana da Saúde (OPAS) defendeu o fortalecimento do Sistema Único de Saúde (SUS) do Brasil para garantir atendimento a todos os cidadãos. Em 2019, a comunidade internacional comemora a data com um chamado por mais esforços em prol da cobertura universal de saúde.






Máquinas e robôs ameaçam acesso ao emprego

quarta-feira, 10, abril , 2019 por

Qual a probabilidade de máquinas ou robôs substituírem trabalhadores humanos no Brasil? Estudo do Instituto de Pesquisa Econômica Aplicada (Ipea) apresenta uma estimativa de quais ocupações correm mais ou menos riscos no mercado de trabalho, levando em conta o crescente desenvolvimento das tecnologias. Segundo a pesquisa “Na era das máquinas, o emprego é de quem? Estimação da probabilidade de automação de ocupações no Brasil”, 35 milhões de trabalhadoresformais correm risco de perder seus empregos para a automação até 2050.






Por ocasião do Dia Mundial da Saúde, lembrado em 7 de abril, a Organização Pan-Americana da Saúde (OPAS) aponta que um terço da população das Américas não tem acesso a cuidados de saúde. Na maioria dos países da região, os níveis de gastos diretos dos indivíduos com saúde representam mais de 25% das despesas domésticas. Agência da ONU pede mais investimentos públicos no atendimento.






O tema da iniciativa deste ano “Vacinação: uma responsabilidade compartilhada” destaca a importância de que todos façam sua parte para apoiar a imunização, uma das intervenções de saúde pública mais importantes e efetivas.






Bruno Latour e a mudança climática

quinta-feira, 04, abril , 2019 por

Bruno Latour (Beaune, 1947) é um dos filósofos franceses mais influentes da atualidade. Acaba de publicar Down to Earth. Politics in the New Climatic Regime(Com os pés no chão. Política no novo regime climático, em tradução livre). O livro faz um diagnóstico sobre um mundo onde tudo é perturbado pela mudança climática e permite compreender fenômenos que vão das desigualdades até a globalização, passando pela ascensão do populismo. A obra também é um pedido de ação e um manifesto europeísta. E, finalmente, uma síntese do pensamento de um precursor de disciplinas como a sociologia da ciência sobre os fatos e a verdade.






Editorias

As Américas podem alcançar a meta de acabar com a tuberculose na próxima década se os países da região conseguirem acelerar os progressos alcançados até o momento, reduzindo ainda mais o número de mortes e novos casos por ano, adverte a Organização Pan-Americana da Saúde (OPAS), escritório regional para as Américas da Organização Mundial de Saúde (OMS).






O Brasil possui mais água doce que qualquer outro país do mundo – 12% do volume total do Planeta. Isso cria uma falsa premissa de que o suprimento estável de água de boa qualidade estará sempre disponível. No Brasil, embora haja abundância de água, em comparação com outros países, existe uma grande variedade de riscos relacionados a água, o que representa uma grande incerteza na disponibilidade de água doce para a população. Além disso, os desafios relacionados a água causam múltiplos efeitos sobre o meio ambiente e a economia.






Editorias
Página 1 de 69
TOP